CILDO MEIRELES

_039030
Ano de produção: 2012
Estado: SP
Fotografia: Kodato, Lúcio;
País: BR
Processo: COR
Sinopse/Enredo:
O artista Cildo Meireles percorre o itinerário criativo que o levou ao reconhecimento internacional, desde a primeira exposição coletiva até o recebimento do prestigioso Prêmio Velázques, concedido pelo governo espanhol aos mais "sobresalientes" artistas ibero-americanos. Expôs o seu olhar constante para a política, os desafios do mundo contemporâneo e um quadro de reminiscências que vão da infância em Brasília a pitorescas aventuras em Paraty e Nova Iorque. Artista de grande renome internacional, Cildo Meireles começou sua carreira nos anos de 1960, frequentando os cursos do Instituto Central de Artes da Universidade de Brasília. Ali, foi aluno do crítico Paulo Emilio Salles Gomes, entre outros importantes intelectuais da época. Com carreira promissora nos gramados, atuando como "meia-direita centralizado", tomou o caminho da prática artística, destacando-se rapidamente. Dedicou-se inicialmente ao desenho, estudando com Félix Alejandro Barrenechea, a quem considera um mestre. Após período intensamente criativo no Rio de Janeiro, mudou-se para Nova Iorque, onde esteve até meados dos anos de 1970. Regressou ao Brasil e instalou-se definitivamente na capital fluminense, onde está até hoje. Foi o segundo artista brasileiro a ganhar mostra retrospectiva na Tate Modern, a mítica galeria de arte londrina. (Baseado em CB/Documentação Diversa)
Código do filme: 039030