JARDS MACALÉ

Sinopse/Enredo

O cantor e compositor Jards Macalé comenta alguns momentos marcantes vividos com Lygia Clark. As sessões da "Estruturação do Self" com Lygia e a influência dela em suas composições musicais, a exemplo do álbum "Aprender a nadar" dedicado à artista. Jards Macalé fala da época do exílio e do atual momento político e criativo da arte no Brasil, e expõe os ensinamentos mais significativos adquiridos na aproximação com Lygia Clark, que ele mesmo chamou de sua "mãe estética".

Data: 2005

Local: Brasil

Direção: Rolnik, Suely

Companhia produtora: SESC - SP; SAC - Sociedade Amigos da Cinemateca; Cinemateca Brasileira

Fotografia: Barat, Stephane Mustapha

Cromia: COR

Duração: 56min13seg

Gênero: Documentário

Assuntos: Clark, Lygia, Psicologia, Arte, Literatura, Política, Psicologia, Chaves, Chico, Gullar, Ferreira, Poema Sujo - livro, Oiticica, Hélio, Pape, Lygia, Hirszman, Leon, Silveira, Nise da, Jobim, Tom, Moraes, Vinícius de, Miucha, Toquinho, Música, Artes plásticas, Doce Rio - livro, Rocha, Glauber, Revolução de 1964, Aprender a Nadar - música, Londres - UK, Exílio, Gil, Gilberto, Fotografia, Psicanálise

Identidades: Rolnik, Suely, Macalé, Jards, Cordeiro, Verônica

Categorias: Curta-metragem / Não-ficção / Nacional / Sonoro